Londres – Com os efeitos das mudanças climáticas assustando o planeta, o mundo virtual está cheio de gente interessante explicando a crise em redes sociais e em newsletters, muitas gratuitas.

Mas como escolher as melhores? O militante ambiental e consultor de empreendedorismo sustentável holandês Piotr Drozd criou uma lista de recomendações.

Ele selecionou newsletters e pessoas interessantes de vários países para serem seguidas nas redes, que ajudam e entender a ciência e a política do clima.

Newsletters sobre mudanças climáticas

Todas as newsletters recomendadas pelo especialista são em inglês, mas mesmo quem não domina o idioma pode aproveitar utilizando as ferramentas de tradução dos navegadores.

Uma delas é a ClimateAction.techproduzida por uma organização que discute tecnologia e ações contra o aquecimento global.

Há também informes produzidos por grandes veículos de imprensa como a revista The New Yorker (The Climate Crisis) , os jornais The New York Times (Climate Fwde The Atlantic (Weekly Planete o jornal digital Stifed (Sustain), que faz parte do Financial Times e trata de assuntos de negócios com foco em empreendedores.

E ainda newsletters feitas por especialistas em mudanças climáticas, como a
Heated, produzida pela jornalista americana Emily Atkin, a Hothouse, de Michael J. Coren, a Volts, por David Roberts.

Algumas das principais vozes em defesa do planeta

Drozd  sugere uma lista de pessoas que entendem muito de aquecimento global e compartilham em suas redes sociais conhecimento e ideias sobre como reverter os efeitos das mudanças climáticas.


Jennifer Morgan  dirigiu o Greenpeace Internacional até o ano passado e agora é representante especial para política climática internacional do Ministério das Relações Exteriores da Alemanha.

 Em seu último tweet do ano, deu os parabéns à Sonia Guajajara, nova Ministra dos Povos Indígenas.


Katharine Hayhoe é professora e pesquisadora do clima. Também é autora do livro Saving Us e foi eleita pela Time como uma das 100 pessoas mais influentes no mundo.

Sua palestra no TED “A coisa mais importante que você pode fazer para combater as mudanças climáticas: fale sobre isso” foi vista mais de cinco milhões de vezes.


Nigel Topping atua junto diferentes organizações discutindo ações de combate às alterações climáticas. Ele já foi CEO de uma coalizão de empresas que trabalha para acelerar a transição para uma economia de carbono zero.  Em sua conta no Twitter, compartilha muitas reportagens interessantes sobre políticas ambientais.


Ali Sheridan trabalhou como especialista em sustentabilidade nos setores privado, público e de ONGs na Irlanda, bem como no Reino Unido e na Holanda. Ela também leciona e projeta módulos de sustentabilidade para várias universidades irlandesas.


O psiquiatra e explorador suíço Bertrand Piccard foi o primeiro homem a dar a volta ao mundo em uma viagem ininterrupta de balão. Hoje ele se dedica a projetos ligados à sustentabilidade e ao desenvolvimento de aeronaves solares.


Christiana Figueres é uma líder internacionalmente reconhecida em mudanças climáticas globais. Ela já atuou em diversas organizações em defesa do clima e trabalhou diretamente no histórico Acordo de Paris de 2015.



Ed Hawkins é climatologista. Ele ficou conhecido por seu trabalho com gráficos de visualização de dados que retratam o aquecimento global de forma mais simplificada, principalmente para o público em geral.


Jonathan Foley é cientista ambiental, especialista em sustentabilidade e autor. Seu trabalho com foco em entender o planetae buscar soluções sustentáveis o levaram a trabalhar como consultor para empresas e governos.

Ele produz uma newsletter quinzenal com notícias sobre o clima.


A designer e socióloga autraliana Leyla Acaroglu une sistemas, sustentabilidade e design como ferramentas na busca por um futuro sustentável.


Michael Mann é professor de Ciência Atmosférica e diretor do Centro de Ciências do Sistema Terrestre da Penn State University. Ele também cofundador e colaborador do premiado site RealClimate.org. e é autor do livro The New Climate War